Quiche de alho-poró da geração saúde [sem glúten, sem soja, leve no carbo e bacana de fibra e proteína]

Ouso dizer que é uma das coisas mais gostosas e mais ‘geração saúde’ que coloco nesse blog. É praticamente uma coisa que você poderia comer numa boa enquanto toma um suco com a galera no Gigabyte. Pra embalar a receita, um clássico:

quiche10

Massa:
4 xícaras de grão de bico [medi depois de cozinhar]
1/4 xícara de óleo
sal
1 colher de sopa de gergelim

Pega o grão de bico bem cozido* e bate no processador com os outros ingredientes até ficar um creme grossinho – se precisar de ajuda pra formar o creme, coloca um pouquinho de água.
Eu to sem processador, amassei com um garfo e funcionou direitinho.

Espalha a massa na forma e leva ao forno alto. Deixa lá até ficar sequinho, a borda dourar e começar a rachar. Pode fazer várias tortinhas ou um tortão. A massa fica quebradiça, como ‘massa podre’, sabe?

*Cozinho o grão de bico e congelo. Aí, na hora de usar, só jogo na água fervente pra descongelar.

quiche1

Recheio:
1 buquê de couve flor
2 colheres de sopa de polvilho azedo
1 colher de sopa de azeite
água do cozimento da couve flor [o quanto precisar]
Folhas de alho-poró
Talo de alho-poró
Temperinhos – usei pimenta, noz moscada e salsinha
Castanhas picadas [opcional, só pra dar crocância]
Sal

Cozinha a couve-flor com as folhas do alho-poró e sal.
Descarta as folhas.
Reserva a água.
Bate no liquidificador a couve-flor com azeite o e polvilho. Coloca aos poucos a água do cozimento da couve-flor. Vai ficar um creme. Reserva.
Corta o talo do alho-poró e refoga. Mistura o creme. mexe até ficar com textura de requeijão.  Coloca os temperinhos que você quiser.

quiche7

Pra montar:
Assa a massa até ela ficar com as bordas douradas e rachadas. Coloca o creme e  cobre com as castanhas. Leva pro forno alto até o creme ficar com uma película firme, tipo, quando encostar o dedo, não tá líquido, tá durinho.
Pronto 🙂

quiche12

>>> Curte lá a página do AMO no facebook:  https://www.facebook.com/amodeliciasveganas

Anúncios

Sorvete de 3x chocolate: É cremosão, é gostosão, é simplão!

Nessas últimas semanas, eu não consegui me organizar pra postar as coisas no blog… Mas, antes que a semana acabe, chego chegando com essa receita de sorvete. Os ingredientes são tranquilos de achar, o processo não é complicado, mas pode demorar um tantinho.

Comi com pipoca doce e blondie, um brownie branco, depois coloco a receita aqui, tá?

sorvt1
Pra cozinhar ouvindo e ralando o popô  no chão da cozinha:

Antes de tudo…
Cozinha meio quilo de feijão preto, pega 3 xícaras do caldo, coa, leva pra uma panela, fogo baixo. Deixa lá até reduzir pra 1 xícara. Eu nunca sei quando já deu, então, vou medindo a cada 5 minutos.
Aí, vai formar uma nata – acho que é resíduo sólido dos grãos de feijão, coa de novo. Vai estar um caldo concentrado, bem preto. Deixa esfriar, ele vai ficar grossinho, um pouco mais líquido do que calda de chocolate.  Relaxa, não vai ficar com gosto de feijão, fica com gosto de um sorvete bem chocolatudo. Se você não for usar o feijão no dia, congela pra usar depois. 😉

Pronto, já dá pra fazer o sorvete. Você vai precisar:
1 xícara de caldo de feijão preto reduzido
1/4 de xícara de açúcar [ou 1/2 xícara de você quiser mais doce]
100g de chocolate amargo
1 colher de chá de essência de baunilha
Calda de chocolate pra sorvete e chocolate picado [o tanto que você quiser, eu usei pouquinho]

Bate na batedeira o caldo reduzido, vai ficar cremoso e num tom pastel – tipo leite com achocolatado, mas não muito denso. Coloca baunilha e o açúcar.

sorvt5

Enquanto bate, derrete o chocolate amargo, tira do fogo e mexe o chocolate até ele ficar na temperatura do seu corpo – coloca uma gotinha no pulso ou embaixo do lábio – se não sentir nem frio nem quente, tá na temperatura certa.

sorvt6

Coloca o chocolate aos poucos pra bater com tudo. Vai ficar com cara de mousse. Se deixar na geladeira vira uma mousse bacana.

sorvt7

Bota num pote com calda de chocolate e chocolate picado – tudo opcional. Gela até ficar com cara de sorvete.

sorvt8sorvt9

Pra deixar sua timeline mais gostosinha, curte a página do AMO no facebook:
https://www.facebook.com/amodeliciasveganas/

Bolo de melado com cenoura e especiarias & cobertura de chocolate simplona

Na última semana, uma das gatinhas aqui de casa se foi. Aí, fiquei mal, não estava com pique de cozinhar nem nada… Daí que o blog ficou abandonado. Desculpa a ausência. Mas tô melhorando… E ontem bateu uma vontade de fazer um bolo pra aquecer o coração. Aí, saiu esse bolinho inventado de repente, a cenoura ralada ajuda a deixar tudo molhadinho, as especiarias dão um carinho e o chocolate amargo faz a cobertura e  dá uma forcinha pros sabores brilharem.

cenmela8

Pra embalar o post, Novos Baianos com a música que me alivia o peso das coisas ❤


3 xícaras de farinha de trigo
Raspas da casca de 1/2 laranja
1 colher de sopa de cacau em pó
1/4 colher de chá de cravo em pó
1/4 colher de chá de canela em pó
Um tiquinho de noz moscada
1,5 colher de fermento

1/2 xícara de cenoura ralada no ralo fino
Suco de 1 laranja [+- 100ml]
200ml de leite vegetal ou água [misturei água e leite de coco]
75ml de óleo
1/2 xícara de melado
1 colher de chá de baunilha

 

*Bônus*
Cobertura durinha
70g de chocolate
1 colher de chá de óleo


Já liga o forno. Deixa alto pra pré-aquecer.
Já unta a forma e enfarinha.

Numa tigela, mistura farinha, fermento, cacau, canela, cravo e nóz moscada.
Em outra, rala a cenoura, mistura as raspas de laranja e todos os líquidos. Mexe até dissolver todo o melado.
-Dica da Talitinha: Unta a xícara medida com óleo antes de colocar o melado, assim, ele desliza e não gruda na xícara.
Junta tudo e mexe com carinho. Não mexe muita pra não ativar o glúten. Aí, coloca na forma e leva pro forno. 210º por uns 30 minutos.

cenmela4

cenmela5

Pra cobertura: derrete chocolate e coloca o óleo. Mexe até ficar um creme. Passa sobre o bolo. A ideia é ter uma cobertura durinha, mas que seja fácil de ser cortada.

cenmela6

-Ah, curte lá o AMO no facebook:
https://www.facebook.com/amodeliciasveganas/

Bolinho de cenoura com brigadeiro [sem soja]

O inhame tava barato, então, vai ter um monte de receita com inhame no blog! Conto com vossa compreensão. 😉
Faz um tempo que to tentando fazer um brigadeiro que fique bacana, barato e sem usar condensado de soja. Aí, ontem, olhando pras compras da feira, me veio a ideia: Brigadeiro de Inhame!
Como alegria adora companhia e a cenoura tava barata também, o bolo de cenoura vem no bonde!

Cozinhei ouvindo e balangando ao som de:


Bolo de cenoura

2 xícaras de farinha de trigo
1 colher de sopa de fermento [ou 1/2 colher de cremor de tártaro e 1/4 de colher de bicarbonato]
3/4 xícara de água
3/4 xícara de açúcar
1 cenoura grande
1/4 xícara de óleo

Pra enfarinhar a forma:
cacau + farinha, em partes iguais

 

Brigadeiro
2 xícaras de inhame cozido [usei 5 inhames pequenos]
1 xícara de açúcar [usei cristal dessa vez pq não tinha demerara]
100g de chocolate em barra picado [usei Melken]
1 colher de chá de baunilha
2 colheres de sopa de leite vegetal [usei coco]
1 colher de cacau ou chocolate em pó
-Confeitos, granulado, resíduo de leite vegetal, cacau, chocolate ralado… pra enrolar o brigadeiro.

brigbolo13

O bolo
Liga o forno na temperatura mais alta, deixa aquecendo.

Na tigela: Farinha e fermento. Mistura.
Bate no liquidificador: água, açúcar, cenoura, óleo. Bate até ficar uma pasta, mas não vai ficar uniforme.
Junta a galera do liquidificador e da tigela. Mistura, mas não muito porque a gente não quer ativar o glúten.
Se quiser bolinhos, leva pro forno em forminhas. Se quiser bolão, leva pro forno em formona.
Eu untei com óleo e enfarinhei com uma mistura de cacau e farinha 50/50. Pro bolinho desenformado ficar com um toque de cacau em volta.
Forno médio-baixo. Uns 20~25 minutos.

 

 

Brigadeiro
Coloca o inhame ainda quente no liquidificador – isso é importante pra derreter o chocolate. Aí, coloca todos os ingredientes, menos a baunilha. Bate bastante. Vai parecer que tá bom, aí, bate mais um pouco porque ficam uns grânulos do inhame. Aí, se quiser parar, você tem um “danete”. Se levar pra panela, vai virar brigadeiro.
A gente quer brigadeiro, então, é fogo!


Coloca o creme numa panela, leva pro fogo. Aí, deixa o fogo alto até ferver, depois, abaixa. Mexe até formar um vão no creme ao passar a colher no fundo da panela. O vão deve demorar 1-2 segundos pra fechar. É tipo aquela cena do Mar Morto da novela da Record, sabe? A consistência é essa:

gif.gif
Coloca a baunilha e pronto. Aí, leva pra geladeira num potinho untado.
Depois que esfriar, o gosto do chocolate vai ficar mais acentuado e a textura fica linda.
Enrola nos confeitos e tá tudo *__*

brigbolo12brigbolo11

 

Como montar os bolinhos:
Faz o brigadeiro – deixa esfriar.
Faz o bolo. Com a massa ainda quente, coloca um pedacinho de chocolate em cada bolinho. Ele vai derreter.
Enrola os brigadeiros, passa no confeito. Aperta em cima do bolinho.
Aí, coloca um pedaço de chocolate sobre cada bolinho. Ficou brilhoso assim porque minha mão tava suja de brigadeiro. =p

brigbolo10

brigbolo9

Arroz cremoso com limão e postas de ~peixe~ sem peixe

A ideia do arroz é poder usar aquele arroz sem graça que sobrou de outro dia e dar uma cara mais fresquinha. Usei requeijão de aveia, que não tem o mínimo gosto de aveia e nem parece mingau. Ele fica cremosinho e com um sabor bem suave. O peixe usa feijão branco e linhaça, a ideia é que fique bem leve e com sabor fresquinho. E tem uns chips de abóbora pra dar uma crocância!

pxe12.jpg
Arroz cremoso com limão
3 xícaras de arroz cozido
1/2 limão [caldo]
Raspas de 1 limão
1 xícara de requeijão cremoso vegano*
sal

*Requeijão de aveia
1/4 xícara de aveia em flocos
3/4 xícara de água
1 colher de sopa de azeite
1 colher de sopa de vinagre de arroz [pode substituir por suco de limão]
Sal

Chips de abóbora
1/4 de abóbora
óleo
sal

Peixe de feijão branco
250g de feijão branco cozido [medi antes de cozinhar]
5 colheres de sopa de linhaça [usei os grãos, se quiser um resultado final mais delicado, usa a farinha]
coentro
tomilho
pimenta do reino
sal
1,5 folha de alga nori
1/2 cebola
3 colheres de sopa de farinha de trigo
> a crostinha
1 colher de castanha/amendoim
1 colher de farinha de rosca
2 colheres de óleo
O arroz
Pega o arroz, mistura com o requeijão, mexe. Coloca um pouco de água pra esquentar o arroz, a ideia é ferver o requeijão pros grãos de arroz absorverem o sabor e soltarem um pouco de amido. Assim, fica tudo cremosinho. Então, coloca o caldo de limão. Mexe. Aí, joga as raspas de limão – se quiser, guarda um pouco pra decorar. 😉

pxe8

Requeijão de aveia
Bate a aveia e a água. Coa bem coadinho. Aí, mistura azeite, vinagre e sal. Leva pro fogo baixo e mexe até ficar cremoso. Talvez precise de mais água. Pronto! Ah, se quiser, pode colocar alguma erva, levedo ou missô.

pxe9
Chips
Corta a abóbora em fatias finas, coloca numa tigela e põe um fio de óleo. Mistura pra que todas as lâminas de abóbora fiquem cobertas com um camada bem fina de óleo. Não é pra ficar nadando em gordura, só um brilho suave. Aí, espalha a abóbora em formas e leva pro forno médio até tudo ficar crocante.

~O peixe~
Escorre o feijão cozido, mistura com a linhaça de deixa lá uns 5 minutos. A umidade dos grãos vai hidratar a linhaça e ajudar a dar liga.

pxe1

Aí, bate no liquidificador ou processador todos os ingrediente menos a alga e a farinha. Se for usar liquidificador, precisa bater em 2 ou 3 levas. No processador, taca tudo de uma vez. Aí, coloca farinha até ficar uma massa moldável, mas não super firme.


Coloca essa mistura numa forma untada e espalha fazendo uma camada. A altura da camada é a altura do filé que você vai ter. Então, cobre com a alga e pressiona bem pra umidade da mistura fazer a alga grudar. É bom deixar 1 centímetro de cada lado porque a alga encolhe quando cozinha. Aí, leva pro forno médio por uns 25 minutos.

Depois, espalha uma misturinha de castanha, farinha de rosca e óleo. Volta ao forno por mais 10 minutos. Depois, pra servir, corta com uma faca de serra ou tesoura e começa a cortar do centro para as bordas, assim, a alga não vai enrolar.
pxe11pxe10

 

Sorvete de tiramisù + receita base pra qualquer sorvete do mundo [sem soja]

Sexta-feira é festa do sorvete no blog mais coração desse mundo vigã!
Eu piro com sorvete e tô sempre tentando achar uma receita bacana e que não leve ingredientes difíceis de encontrar. Aí, matutando com meus tubérculos, me veio a ideia é usar a textura do inhame [tem lugar que chama de cará] pra emulsificar o sorvete e fazer um leite com um tanto bom de gordura pra dar corpo, por isso testei com castanha de caju e amendoim.
Ah, a receita leva vodka pra evitar a formação de cristais, se não quiser usar, tudo bem, só vai perder um pouco de cremosidade.

PARA PARA PARA [João Kleber feelings]
Antes da receita, quero divulgar essa página belíssima:
Ajude os animais de Perus  ❤
Tem um monte de peludo fofo procurando uma casa ❤ ❤
E dias 24 e 25 de outubro vai rolar mutirão de castração em Perus ❤ ❤ ❤
sorvtira5
Sorvete de creme [base]
1/2 xícara de castanha de caju ou amendoim cozido/torrado
1,5 xícara de água
1 xícara de açúcar [use demerara]
1x purê de inhame [usei 4 inhames pequenos cozidos – esse AQUI que tem lugar que chama de cará, mas AQUI explica]
1 colher de sopa de essência de baunilha
1 colher de sopa de vodka ou outro destilado [opcional, mas ajuda]

+ O que usei pra montar esse sorvete das fotos todo trabalhado na gula:

Sorvete sabor tiramisù :
1 colher de sopa de café solúvel
20g de chocolate em barra picado
cacau pra polvilhar
+Base

sorvtira1
Cobertura creme de chocolate com café:
50g de chocolate
50ml de café
50 ml de água
1/4 colher de chá de amido
1 fio de óleo

Doce de leite – fiz essa receita AQUI, mas usei xerém de amendoim.

Casquinha de limão:
1 xícara de farinha de trigo
1/4 de xícara de óleo
1/4 de xícara de água gelada
1 colher de açúcar
raspas de 1/2 limão

sorvtira9 sorvtira8

Sorvete de creme [base]
Bate a castanha/minduca com água e coa – se possível com um tecido fininho, uso um lenço. Aí, vai ficar um leite concentrado.
Bate no liquidificador todos os ingredientes, incluindo o leite. Leva pro congelador até endurecer – aqui em casa demorou umas 4 horas.
Aí, pega esse lance congelado, corta em cubos e bate com qualquer eletrodoméstico que você achar bacana – liquidificador, batedeira, processador, mixer…

sorvtira11 sorvtira12

Nessa hora você pode inventar, é só misturar o que tiver vontade
Sugestões:
Sorvete de morango = 6 morangos + 1/2 limão
Sorvete de cacau = 2 colheres de cacau
Sorvete de frutas = 2 ou 3 colheres de qualquer geleia

sorvtira14 sorvtira15

Sorvete de tiramisù :
Depois de bater o sorvete pela segunda vez, mistura com jeitinho o café solúvel e as lascas de chocolate no creme. Não mistura muito, senão o café vai desmanchar. Aí, finaliza com cacau em pó leva pro congelador.
sorvtira13 sorvtira2

Cobertura creme de chocolate com café:
Coloca numa panela o chocolate com café, mexe até derreter. Em outro lugar, mistura água com o amido. Aí, coloca na panela com o lance de chocolate derretido. Fogo baixo e mexe até parecer um danete, coloca o óleo. E pronto!

sorvtira6
Casquinha:
Mistura água com óleo até ficar um lance branco. Aí, coloca o açúcar e mistura mais. Depois, vai a farinha. Sova até virar uma bola. Abre e deixa no formato que você quiser – pode usar forminha de cupcake, xícaras… – e faz um furinho no fundo da massa. Então, forno médio até ficar dourado e firme.

Pra decorar, derreti açúcar e espalhei num prato untado.
sorvtira3
sorvtira4

Queijo defumado de mandioca

[PFVR] Ei, antes da receita, quem puder, dá uma força na vaquinha pra ajudar aos porcos resgatados no Rodoanel:  https://www.vakinha.com.br/vaquinha/porcos-do-rodoanel
*
Não, não é o famoso queijo vegetal da Superbom, é o queijo defumado de mandioca SuperDeBoas, o queijo que não foge das tretas, mas responde a reacionários enraivecidos com memes divertidos!

A base do queijo é mandioca e a ideia pra fazer essa receita é a seguinte: a cenoura vai dar um adocicado bem leve e contrastar com a picância do alho, ah, e o aroma principal é o defumado da berinjela.

qjodef2

O que vai:
600g de mandioca cozida
1 cenoura pequena cozida
1 berinjela
1 dente de alho
50 ml de azeite/óleo
1 colher de chá de levedo de cerveja [opcional]
50~100ml da água do cozimento
1/2 xícara de polvilho azedo [ou 1/4 se quiser cremoso, 1 xícara se quiser bem firme]
qjodef1
Como faz?
Queima a berinjela direto na boca do fogão até a casca ficar completamente torrada, tipo um carvão – é o mesmo processo pra fazer babaganoush [se tiver dúvida, AQUI explica bem o esquema], aí, raspa a casca queimada e reserva a polpa da berinjela defumada.

Então, bate tudo no liquidificador, menos a mandioca e o polvilho.
Depois, coloca a mandioca aos poucos, vai batendo com jeitinho até ficar um purezão. Leva essa mistura pra uma panela, acrescenta o polvilho, liga o fogo e mexe até ficar igual a esse gif aí – se colocar mais polvilho, vai ficar mais firme.
[já falei que fazer uma receita só com gifs é um sonho?]

qjodefgif
Depois, coloca em uma forma untada e deixa na geladeira por umas 4 horas – o ideal é deixar o queijo pernoitando. Pode cortar e grelhar, pode fatiar… Enfim, o que tua imaginação mandar. Ele não vai super derreter, mas vai ficar molinho e formar uma crostinha quando grelhar. =)
qjodef

qjodef3