Salsicha sem glúten e [praticamente] sem soja

Faz um tempo que tenho tentado chegar a uma receita bacana de salsicha sem glúten e com ingredientes fáceis de encontrar por aí. Essa semana eu cheguei a um resultado bacana e simples de fazer.
A cor fica por conta da beterraba e o defumado é do pimentão. Mas você pode ajustar a receita de acordo com os ingredientes que você tiver em casa. 😉
salsi10
!!!!Aaaaah, pra não perder novidades do AMO, curte  lá no facebook:  https://www.facebook.com/amodeliciasveganas

2,5 xícaras de legumes cozidos [batata, mandioquinha, abóbora, cenoura..]
Usei:
>1 xícara de beterraba cozida
>1/2 xícara de cenoura cozida
> 1 xícara de batata
1 pimentão
2 dentes de alho
1 cebola média
salsinha
orégano
pimenta
erva doce [opcional]
1/4 xícara de óleo
1,5 xícara de fubá mimoso
1/2 xícara de polvilho [azedo ou doce]
2 colheres de sopa de shoyu [se não quiser, não coloca, só precisa botar mais sal]


Se você quiser um gosto de defumado, faz isso:

Coloca o pimentão na boca do fogão. Vai virando o pimentão no fogo até a casca ficar completamente  preta. Lava esse pimentão. Aí, vai sair a pelinha queimada. Corta o pimentão e tira as sementes.
salsi2salsi4
Aí, é hora de bater tudo – menos o fubá.
Vai virar um creme, experimenta o sal pra ver se tá certinho.
Aí, leva pra uma panela, coloca fubá e polvilho.  Mexe até ficar homogêneo. Liga o fogo e continua mexendo até ficar pesado, tipo massa de coxinha, sabe?
salsi5salsi6salsi7
Então, espalha a massa numa superfície fria e deixa lá até amornar. Com as mãos untadas, modela as salsichas ou faz no formato que você quiser. Pra não ficar quebrando, dá uma apertadinha que tudo se resolve.

salsi8salsi9salsi11

Aí, pode fritar, grelhar ou assar. Se quiser, congela e descongela no forno 200º na hora de usar.
Pronto! ❤
Anúncios

Cuscuz paulista cheio de carinho <3

Momento de superação: Eu passei as últimas semanas emendando uma zica na outra – peguei uma tosse bizarra, aí, caí e fiquei com o joelho ferrado e, pra terminar, foi a vez do meu estômago ficar zuado. Até a pimenteira da hortinha secou.
Mas, como sou durona, sobrevivi pra contar a história! hahahahaa

cuscuz5

~Antes, da receita, um pouco de história~
O Cuscuz paulista nasce das marmitas dos bandeirantes, essa galera do mal levava uma carne com caldo, legumes e farinha pras viagens. Aí, o no chacoalho da missão, a marmita se revirava, esfriava e virara um cuscuz. Então, você pode fazer um cuscuz com qualquer ‘recheio’, a base é legumes, caldo e farinha de milho.

cuscuz7

A receita é só uma sugestão de preparo e é a receita de mamãe – ela fez porque eu tava doente e precisava de carinho ❤ ❤ ❤

1 cebola pequena picada
1 dente de alho
1/2 pimentão pequeno picado
1 cenoura média ralada
1 xícara de brócolis picado
2 tomates picados
1 xícara de proteína [pode ser pts/pvt, nata de soja, cogumelo]
3 colheres de sopa de tofu [opcional, pra dar textura de clara de ovo cozida]
Milho/Ervilha – O quanto você quiser
1 sachê de polpa de tomate
1 xícara de água

1 xícara de flocos de milho
1/2 xícara de farinha de mandioca
Temperos:
Salsinha
Páprica doce
Sal
Pimenta

Pra fazer é bem sussa:
Refoga a cebola e o alho, aí, coloca e refoga as coisas na ordem das mais firmes para as mais macias. Então, a sequência foi: brócolis, proteína, milho/ervilha, pimentão, cenoura, tomate – menos o tofu. Aí, entram o extrato de tomate e a água e os temperos – menos a salsinha. Deixa tudo ferver. Aí, coloca as farinhas aos poucos e mexe com jeitinho pra não desmanchar os legumes – se empelotar, coloca mais água. Quando começar a formar uma bolota mais firme mais firme do que um mingau, desliga o fogo, coloca o tofu e a salsinha.

cuscuz4
Pra fazer bonito, bota numa forma untada e decorada. Deixa na geladeira até endurecer e seja feliz 🙂
Ah, pra decorar, minha mãe colocou um pouco de abobrinha refogada – porque ela acha que todo prato precisa ter verde ❤

cuscuz8cuscuz6

Molho divo de tomate e seus colegas da feira

Esse molho eu comecei a fazer em casa num dia que tava faltando tomate e precisava fazer o molho “render”. Aí, pá, comi e ficou uma coisa incrível, a cor é sensacional, ele é todo lindo! Sim, acho que me apaixonei por um molho. ❤

Dica da Tata: Compra um monte de tomate no fim da feira, aqueles da promoção, sabe?  Aí, faz um monte de molho e deixa congelado. Nunca mais você vai precisar comprar molho pronto! \o/ \o/ \o/

divo8
1 cenoura pequena
1 beterraba média
1/2 cebola
1 dente de alho
8~10 tomates
2 colheres de sopa de óleo
1 colher de sopa de água
Azeite – só pra finalizar, é opcional
Ervas – usei orégano, manjerição e louro
Sal
Pimenta do Reino

Bate no liquidificador: cenoura picada, beterraba picada, cebola, alho, óleo e água. Vai virar um purê. Leva pra panela com uma pitada de sal e uma folha de louro. Mexe até ficar uma pasta encorpada – o sal vai fazer as coisas soltarem água e essa refogada boa vai caramelizar o açúcar dos legumes.

 

Enquanto isso, bate os tomates no liquidificador. Depois, coloca esse “suco” na panela com o refogado. Mexe e deixá lá reduzindo. Quanto mais reduzir, mais gostoso vai ficar. Aí, quando achar que tá bom, apaga o fogo, coloca as ervas e, se quiser/puder, finaliza com azeite. Pronto!


Dica da Tata 2:
Pode colocar ele no macarrão ainda quente ou…
-Colocar o molho quente num vidro fervido. Guarda na geladeira [não na porta] por mais de 1 semana, sem abrir o vidro.
-Coloca em potinhos e congela. Aí, dura alguns meses.

divo10divo9

Quiche puro charme de legumes + Talitinha abre o <3 sobre o Veganismo

ALERTA: TEM TEXTÃO NÃO MUITO ÃO, MAS TEM. E A RECEITA É SUSSA. 😉

Vegan não come coisa de bicho, até aí tudo bem. Veganos têm uma alimentação totalmente vegetariana. Mas não é só isso, não é só comida. E tenho visto muitas pessoas falando que cada um faz seu veganismo – dizem que a base é o amor, que ser vegano é cuidar do próprio corpo, que somos veganos pelo planeta… Desculpa acabar com essa felicidade, mas veganismo não é um conceito flexível.  Por isso tenho sentido a necessidade de explicar algumas coisas.

Sobre o amor: Acho que pode ser uma porta de entrada, amor se liga com empatia, é bacana. Mas, ninguém ama a larva do bicho da seda. Só não é ético matar um bicho pra fazer roupa. Amor é relativo, ética não.
Sobre a saúde: Focar em saúde coloca o ser humano como centro das coisas e isso tá errado. Animais são o foco. Veganismo não tem a ver com saúde. Sua saúde tá ligada a teus hábitos, tua genética e teu meio. Não tá relacionada com seu tratamento ético aos animais.
Sobre o planeta: Um impacto ambiental menor é só uma feliz consequência do veganismo, não é sua essência.

Ou seja:
Veganismo é um movimento que visa libertação animal.
Veganos não enxergam os animais [humanos e não humanos] como coisas feitas para serem utilizadas.
E acredito que o veganismo deve conversar com causas sociais. Afinal, num mundo que passa fome é um privilégio poder escolher o que comer. E numa sociedade em que educação não é prioridade, ter acesso a informação para poder questionar as práticas sociais também é privilégio.

Ufa, espero não ter sido muito grossa. Agora, vamos falar de comida?

tortacharme9

Cebola Lótus:
3 cebolas
Azeite
Shoyu
Vinagre branco
Ervas variadas [usei orégano e tomilho]
Pimenta
Massa:
2 xícaras de farinha
1/2 xícara de água gelada
1/2 xícara de óleo
Sal

Recheio – o que tem na geladeira, usei:
1 cenoura fininha
1/2 pimentão vermelho
1/2 pimentão amarelo
1/2 maço de brócolis
Farinha – o quanto precisar
Pimenta
Sal
*coloquei uma pts/pvt que tinha sobrado do outro dia, mas não tenho medida

Cobertura – mandioquinha/batata salsa/batata baroa
100g de mandioquinha cozida
1/4 xícara de água [talvez precise de mais]
1 colher de sopa de tofu amassado ou de xerém de amendoim
1 colher de sopa de óleo ou azeite
1 colher de sopa de vinagre de arroz ou caldo de limão
Sal

A cebola:
A inspiração veio desse vídeo aí ^
Só mudei umas coisas. É só cortar as cebolas, faz como se fosse um asterisco, mas não vai com a faca até o fim. Coloca os temperos – azeite, shoyu, vinagre e ervas. Aí, cobre e leva pro forno médio até as cebolas ficarem macias e as pétalas abrirem. Eu precisei dar uma cutucada com o garfo pra abrir por completo. Finalizei com um pouco de azeite e sal – pq sou dessas.
tortacharmetortacharme1 tortacharme2 tortacharme5
Massa:
Numa tigela mistura a farinha e o sal – se quiser uma corzinha, bota cúrcuma ou colorau. Em outro lugar, junta água e óleo, bate até ficar branco – pode fazer isso com um garfo, um batedor ou usar mixer/liquidificador. Coloca essa misturinha na farinha e mexe até ficar uma bola. Abre a massa numa assadeira e leva pro forno alto. Deixa lá até dourar a borda – deve ser uns 10 minutos.
tortacharme6
A cobertura:
Bate tudo junto até formar um creme – só vai colocando a água aos poucos. Deve ficar na consistência de um requeijão.tortacharme4
Como montar tudo?
Massa – assada até ficar com as bordas douradas
Recheio – legumes crus misturados com farinha e tempero
Cobertura – creme de mandioquinha
Forno médio por uns 30 minutos. Até a cobertura ficar douradinha.
As flores de cebola são assadas em outra forma e depois colocadas sobre a torta.
Feito!

tortacharme7 tortacharme8

tortacharme10 tortacharme12
tortacharme11

Burgão Brazuca: feijão preto e casca de banana

Sim, as definições de brasilidade foram atualizadas.  É burguinho de feijão preto com casca de banana, pesto de salsa, coentro, queijo de mandioquinha, pururuca de tofu e cenoura tostada.

Ai, sei que olhando o tanto de ingredientes parece ser uma trabalheira enorme fazer esse lanche, mas é sussa. A maioria das coisas ou vai pro forno ou é só bater no liquidificador.

hambpt12

Hambúrguer de feijão preto com casca de banana

2 xícaras de feijão preto cozido
3 cascas de bananas [com a parte branca raspada]
1/2 cebola
1 colher de sopa de óleo
Farinha de trigo até dar o ponto [usei 2 colheres de sopa]
Cheiro verde [o quanto você quiser]
Sal e pimenta [tbm o quanto quiser]

Cenoura tostada & picante ou defumada
1 cenoura ralada
1 colher de sopa de azeite
1 colher de chá de páprica [picante ou defumada]
Sal

Pesto fresquinho
1/2 maço cheiro verde [misturei coentro com salsinha]
2 colheres de sopa de azeite
2 colheres de sopa de amendoim torrado [xerém, não ele inteiro]
50 ml de água [ou o bastante pra ajudar a bater]
Suco de 1/2  limão
Sal

Pururuca assada
50g de tofu fatiado
Óleo
Sal

Queijo de mandioquinha
100g de mandioquinha [batata baroa, batata, salsa…]
100ml de água [costumo usar a água do cozimento da mandioquinha]
2 colheres de sopa de polvilho azedo
2 colheres de sopa de azeite/óleo
1 colher de sopa de vinagre de arroz ou caldo de 1/2 limão
Sal

hambpt9

Hambúrguer
Cozinha o feijão, mas deixa os grãos meio durinhos, ainda inteiros, sabe? Aqui em casa, o feijão costuma ficar super cozido com 25 minutos, então, deixei os grãos na pressão por 20 apenas. A ideia é deixar o hambúrguer com uma textura bacana. *Escorre os grãos e pode reservar a água pra fazer aquafaba – AQUI explica.*

hambpt1hambpt4 hambpt3
hambpt5

Aí, bate o feijão com a cebola, cheiro verde e as cascas de bananas – se for no processador, vai tudo de uma vez. Se for no liquidificador, divide o feijão em partes e bate em 2 ou 3 levas.

Depois da bateção toda, coloca a mistura numa tigela e junta sal, pimenta e a farinha de trigo. Mexe até ficar uma massa não muito dura, porém, firme o bastante pra fazer uma bolota. Eu sempre faço hambúrger assim, unto as mãos, faço uma bola e achato ela numa grelha untada. Aí, fogo médio, abafa, doura, vira, abafa e tira quando tiver dourado dos dois lados.

Cenoura crocante
Rala a cenoura, mistura os ingredientes todos. Espalha a cenoura numa forma e forno médio até as pontinhas ficarem bem douradas.

hambpt9

Pesto
Bate tudo – vai colocando água aos poucos, só pra ajudar a bater.
Pururuca
Corta o tofu em fatias de uns 2~3mm, coloca numa forma untada e pincela óleo por cima das fatias. Aí, forno alto até as fatias ficarem douradas e crocantes. Deve demorar uns 20 minutos.
hambpt6

hambpt7

Queijo de mandioquinha
Bate tudo com a mandioquinha ainda quente – pra cozinhar o amido do polvilho.

Ah, pra acompanhar foi essa batatinha AQUI e botei umas coisas em cima. 🙂
hambpt11

hambpt8

hambpt13

Hambúrguer na cerveja com molho de coentro e berinjela empanada [aka Breja burger turbinado]

Fui a um bar que tinha como principal petisco uma linguiça com erva-doce feita na cerveja. Aí, fiquei aqui pensando com meus botões veganíssimos e…. pá! Pensei nessa receita aqui.
Aliás, esse post é histórico, pela primeira vez tem uma foto bacana de ALFACE, sim, amigos. ALFACE.

brejabur10

Hambúrguer
2 xícaras de pvt/pts [mede antes de hidratar]
1/2 xícara de cerveja pilsen
2 colheres de sopa de shoyu
1/2 cebola
1 colher de sopa de páprica
1/2 xícara de polvilho doce/amido de milho
1/2 xícara de farinha de trigo – usei integral [talvez precise de mais]
Erva doce em grãos [se quiser]
Pimenta – do reino ou chili seco
Sal

Molho
1 tomate
1 cebola
1/4 maço de coentro
1 fio de azeite
sal

Queijo
1 mandioquinha/batata baroa/batata salsa
1 cenoura
1 colher de sopa de polvilho azedo
2 colheres de sopa de azeite
1 colher de chá de mostarda [usei uma pastinha com os grãos]
-água [pra ajudar a bater]
sal

Berinjela empanada
2 berinjelas
óleo
fubá
sal

Salada
Alface, tomate, rúcula, agrião, cebola…

brejabur6

brejabur1

O hambúrguer
Hidrata a pts/pvt com limão ou vinagre, lava, aperta, lava – até a água ficar limpa.  Aí, bate no liquidificador ou processador a pts com os ingredientes líquidos + a cebola. Aí, bota numa tigela e mistura tudo – menos a farinha de trigo, ela entra aos poucos, até formar uma bolota.
brejabur2 brejabur3

Como já expliquei em outras receitas de hambúrguer, eu não gosto de deixar a massa muito firme. Aí, é só fazer uma bolota, achatar na grelha, abafar, virar, abafar. Faz isso até ficar dourado. O ideal é ficar crocante por fora e macio por dentro.

brejabur8

O molho
Bate tudo junto – por último, entra o coentro.

brejabur9

O queijo
Cozinha a mandioquinha e a cenoura, aí bate no liquidificador com os outros ingredientes, aí, coloca a água do cozimento – ainda morna -e bate até formar um creme liso. Acerta o sal e cabô.

brejabur5

A Berinjela
Mistura fubá e sal e deixa num pratinho.
Coloca óleo em outro prato
Corta a berinjela em fatias de +-0,5cm, passa as fatias no óleo e depois no fubá. Aí, coloca numa frigideira untada, fogo médio. Deixa dourar e vira.
brejabur4
brejabur7

Montagem [de baixo pra cima]
Pão
Salada
Hambúrger
Queijo
Berinjela
Salada
Molho
Pão
Charme

brejabur11

Queijo defumado de mandioca

[PFVR] Ei, antes da receita, quem puder, dá uma força na vaquinha pra ajudar aos porcos resgatados no Rodoanel:  https://www.vakinha.com.br/vaquinha/porcos-do-rodoanel
*
Não, não é o famoso queijo vegetal da Superbom, é o queijo defumado de mandioca SuperDeBoas, o queijo que não foge das tretas, mas responde a reacionários enraivecidos com memes divertidos!

A base do queijo é mandioca e a ideia pra fazer essa receita é a seguinte: a cenoura vai dar um adocicado bem leve e contrastar com a picância do alho, ah, e o aroma principal é o defumado da berinjela.

qjodef2

O que vai:
600g de mandioca cozida
1 cenoura pequena cozida
1 berinjela
1 dente de alho
50 ml de azeite/óleo
1 colher de chá de levedo de cerveja [opcional]
50~100ml da água do cozimento
1/2 xícara de polvilho azedo [ou 1/4 se quiser cremoso, 1 xícara se quiser bem firme]
qjodef1
Como faz?
Queima a berinjela direto na boca do fogão até a casca ficar completamente torrada, tipo um carvão – é o mesmo processo pra fazer babaganoush [se tiver dúvida, AQUI explica bem o esquema], aí, raspa a casca queimada e reserva a polpa da berinjela defumada.

Então, bate tudo no liquidificador, menos a mandioca e o polvilho.
Depois, coloca a mandioca aos poucos, vai batendo com jeitinho até ficar um purezão. Leva essa mistura pra uma panela, acrescenta o polvilho, liga o fogo e mexe até ficar igual a esse gif aí – se colocar mais polvilho, vai ficar mais firme.
[já falei que fazer uma receita só com gifs é um sonho?]

qjodefgif
Depois, coloca em uma forma untada e deixa na geladeira por umas 4 horas – o ideal é deixar o queijo pernoitando. Pode cortar e grelhar, pode fatiar… Enfim, o que tua imaginação mandar. Ele não vai super derreter, mas vai ficar molinho e formar uma crostinha quando grelhar. =)
qjodef

qjodef3